Na sessão de ontem, (07) na Câmara Municipal de São Manuel os vereadores votaram uma denuncia apresentado pelo cidadão Rodrigo Donizete Tomaz contra o Prefeito Ricardo Salaro Neto (PPS) na qual Rodrigo, pede a cassação do Prefeito.
Segundo denuncia que foi protocolada na ultima sexta-feira (04) na Câmara, o Prefeito Ricardo Salaro fez pagamentos irregulares a uma empresa que estava terceirizada em uma obra iniciada pelo então ex-prefeito de São Manuel, Marcos Monti (PR).
No ano de 2015 foi iniciada a obra de uma Creche das COHAB 1 e 2 a empresa vencedora da licitação terceirizou o serviço para uma outra empresa oque é proibido por contrato, essa empresa recebeu da Prefeitura na gestão do então atual prefeito dois pagamentos, nos meses de Janeiro e Fevereiro, num total de quase 80 Mil Reais.
Esses pagamentos não poderiam ter sido feitos direto na conta da empresa terceirizada e sim para a empresa vencedora da licitação e ela pagar a terceirizada segundo a denuncia.

A denuncia então foi apresentada na sessão de ontem e colocada em votação para os vereadores decidirem ou não pela abertura da Comissão Processante (C.P.).
Por 12 votos a Favor e 1 Contrario os vereadores aprovaram a abertura da comissão que vai investigar a Denuncia.

Votaram a favor da abertura os vereadores:
Profº Ailton Morrão. (PPS)
Alexandra Guimaraes. (PMDB)
André Moscatelli. (PSDB)
Fernando Fefê. (PRP)
Jacó. (PMDB)
João Paulo Piovan. (Solidariedade)
Drº Marco Aurelio Micheletto. (PDT)
Odirlei Baixinho da São Geraldo. (PRP)
Drº Omar.(PR)
Paulo Zaparolli.(PSD)
Pelé.(PSC)
Silvio Franco. (PSDB)

Votou contra a abertura o vereador:
Anízio Pette. (Solidariedade)

 

Após a abertura da C.P. os vereadores fizeram um sorteio que definiu a comissão que vai conduzir os trabalhos que ficou:
Presidente: Paulo Zaparolli.
Relator: João Paulo Piovan.
Membro: Alexandra Guimaraes.


ENTENDA COMO VAI FUNCIONAR O PROCESSO A PARTIR DE AGORA.

A Comissão que tem a Relatoria de João Paulo Piovan, terá de notificar o Prefeito no prazo de 5 dias para ele apresentar a defesa previa.
Em seguida, o prefeito terá mais prazo para convocar testemunhas que podem ser num total de até 10 testemunhas, inclusive o próprio denunciador pode ser convocado pela defesa do prefeito.

Passado os prazos e apresentada todas as testemunhas e defesa que pode levar até 90 dias, o relator ira montar um parecer sendo ele favorável ou não a denuncia e esse parecer será votado em plenário pelos 13 vereadores.

Caso o relatório seja favorável a denuncia os vereadores votaram SIM pela Cassação do Mandato do Prefeito e NÃO para que o processo seja arquivado.
Caso o relatório seja contrario a denuncia os vereadores votaram NÃO pela Cassação do Mandato do Prefeito e SIM para que o processo seja arquivado.

Em caso do Plenário votar pela cassação o Vice Prefeito Major Rubim (PSDB) assume o cargo no lugar de Ricardo Salaro.

 

OUVINDO OS DOIS PODERES.

A Reportagem conversou com o Procurador Jurídico da Câmara, Drº Lucas que disse que a agora é analisar mais afundo tudo que contem no processo de mais de mil folhas e notificar o prefeito.
Segundo o procurador que é quem da todos os pareceres referente a todos os processos da Câmara, o Prefeito será notificado até sexta-feira (11).
Procurado pela Reportagem o Presidente da Câmara disse que só colocou em votação uma denuncia com documentos apresentada por um cidadão e que toda e qualquer denuncia é sim analisada pela Câmara e colocada em apreciação de todos os senhores vereadores e que essa decisão foi tomada por todos os membros do legislativo.

Pela manha nos procuramos a Prefeitura Municipal de São Manuel, onde fomos atendidos pela Chefe de Gabinete, onde ela nos informou que o Prefeito iria se manifestar mais tarde sobre o assunto, logo após o almoço a Prefeitura emitiu uma nota que diz:

Em relação à denúncia apresentada na Câmara, na noite da segunda-feira (07), a Administração Municipal ainda não foi notificada, tendo tomado conhecimento através da imprensa.
Assim que receber oficialmente o teor da denúncia, a Administração se manifestará a respeito.
Cabe salientar que a Administração Municipal prima pela transparência e respeito a coisa pública e estará à disposição para prestar todas as informações para elucidação dos fatos.”

 

A Nossa Reportagem vai acompanhar todo o processo que agora esta na Câmara Municipal e vai decidir o futuro do Prefeito Ricardo Salaro a frente da administração municipal.

(da Redação – Diogo Vitoretti.)

Últimas Notícias : Pages : FM Integração